Design de Moda realizou oficina de estamparia durante XI SEPesq

Ministrada pela professora Tatiana Laschuk, a oficina sobre técnicas de estamparia marcou o terceiro dia de atividades da XI SEPesq no campus Zona Sul

por Francine Silveira

Durante toda a tarde a professora Tatiana Laschuk, com o apoio das alunas, ensinou cinco técnicas básicas de estamparias com o objetivo de mostrar o quanto é fácil e barato fazer estampas.

A primeira delas foi a LEHERIA, técnica indiana usada para fazer plissagens em tecidos utilizando corda, barbante e corante (anelina) diluído em água fervente, que serve para todas as técnicas.

A segunda foi a PLANGI, técnica vinda da Indonésia que ensina a fazer plissagens no tecido utilizando pregos e amarrações com barbante. A água com corante é a mesma da técnica anterior.

A terceira mostrada foi a técnica Japonesa Itagime, que estampa tecido dobrado usando madeiras em mdf e água com corante.

A quarta técnica, também inventada pelos japoneses, é a Shibori. Técnica de alinhavo de tecido que depois é emergido na água com corante.

A quinta e última também é chamada de Shibori, mas é necessário a utilização de uma garrafa pet durante o processo.

Os materiais utilizados durante a oficina como corda, barbante, pregos e corantes coloridos são facilmente encontrados em ferragens, mercados e papelarias.

roberto_belmonte

Faculdade de Publicidade e Propaganda

Deixe um comentário

%d blogueiros gostam disto: